Indicação de filmes 4.0

Tá aí sem fazer nada e tá afim de conhecer um ou dois documentários novos sobre comida? Essa é a postagem pra você!

Tanto faz se você acabou de começar a entrar no mundo mais saudável ou se você está faz tempo nele e quer ter uma visão diferente sobre a comida! Este primeiro documentário é pra você e pra toda a sua família!

The kids menu (ou o Menu Kids)
Esse é um documentário que aborda como as crianças podem ser mais saudáveis, como as escolas podem educar essas crianças e como os pais podem dar o exemplo em casa.
Ele mostra o olhar das crianças e adolescentes depois que aprendem o que é mais saudável e quais são suas escolhas na hora de preencher o prato.
Sem ser muito extremo, o documentário mostra que tudo na vida é sobre o equilíbrio, que muitas vezes as próprias crianças podem nos ensinar, e se você acha caro ser saudável, no local onde é gravado, se tomaram iniciativas como poder vender verduras mais baratas, ou até de graça, caso você tenha um atestado médico dizendo que você precisa daquela alimentação.

No final desse aprendizado, é mostrado uma escola com uma horta orgânica preparada e cuidada pelos jovens alunos, depois de colhidos, os ingredientes vão para a cantina na hora do almoço, mas as crianças também preparam essa comida variada em uma das aulas de nutrição.

É fascinante ver as crianças felizes em colher e comendo muitas comidas verdes que muito provavelmente nunca teriam comido, se não fosse pela escola. Além disso eles têm yôga, têm atividades antes e depois das aulas acadêmicas, cuidam do composto com minhocas que vai nas plantas, e parte do que é colhido é doado.

Fica a reflexão se deveríamos focar tanto nas matérias "formais" da escola e não dar valor às matérias práticas da vida, como saber quais nutrientes devemos comer, como preparar comidas e como ser mais saudável.

What the health
Embutidos são mais carcinogênicos do que tabaco e plutônio? Quê?! É com essa mensagem que esse documentário começa.
E ao longo do filme, podemos ver outras questões, como: Qual a correlação entre câncer, diabetes e outras doenças com a nossa dieta? É realmente o açúcar que é o centro do problema? Ou focamos tanto nele que esquecemos das gorduras, das proteínas animais e dos laticínios? Peito de peru e frango são realmente melhores que carne vermelha?
As propriedades de porcos e galinhas estão propositalmente localizadas em bairros mais pobres e/ou de pessoas negras ou hispânicas? Comer peixe é realmente mais saudável?
Será que centros de combate ao câncer, combate a diabetes e outras doenças recomendam uma dieta baseada em carnes, embutidos e derivados do leite porque seus patrocinadores são donos de empresas que produzem esse tipo de comida? (Perturbador)
Ou será que os médicos estão sendo patrocinados por indústrias ainda maiores de farmacêuticos que só te passam medicamentos que escondem sintomas atrás de sintomas, sem nunca tratar o que está realmente causando a doença para preveni-la ou curá-la?


Os dois documentários estão no Netflix e o segundo tem opção dublada e legendada em português completa no youtube também! Então aproveitem.

O que acharam das recomendações? Já assistiram esses filmes, tem outros pra recomendar nessa mesma linha de pensamento?
Espero que tenham gostado, e até a próxima! ;)

Pudim de Laranja

Isso mesmo, você não leu errado, essa receita é uma outra versão do pudim mais querido do Brasil: o pudim de leite condensado. Se você gosta de cítricos e de pudim, essa receita não tem como não ficar deliciosa!

Ingredientes
1 lata de leite condensado (395 g)
200 ml de leite
200 ml de suco natural de laranja
3 ovos
1/2 xícara de açúcar
1/2 xícara de água
Raspas de laranja (de 1 ou 2 laranjas já tá bom, mas pode colocar quanto você quiser)

Modo de preparo

Tipos de Sal

Cansado do mesmo sal todos os dias? É, talvez não. Um tempero que muita gente não percebe a não ser se faltar ou tiver em excesso na comida, não é mesmo? Mas que tal conhecer alguns outros tipos de sal para poder variar na cozinha e até saber escolher na hora das compras?


Sal refinado
O mais comum de todos e presente em quase todas as mesas brasileiras é o sal refinado, que tem adição de iodo (desde 1953) para prevenir uma doença da tireoide, o bócio. (Alguns peixes até possuem iodo, mas no geral, a população do Brasil não consume tanto peixe assim).
LEMBRAM DESSES SALEIROS SUPER FOFINHOS?

Salada de frutas tropical

Se você é igual a mim e ama novas versões de saladas de frutas, essa receita é pra você! Além de rápida e fácil, ela é super refrescante e tem a cara do verão.

Bolo de Milho (E sem glúten e lactose!)

Quem não gosta daquele bolinho de milho pra passar o café da tarde com um cafézinho bom, não é mesmo? E com essa receita sem glúten e sem lactose todo mundo vai poder aproveitar sem medo!

Siga o Gastromundo por aí


Agradeço pela visita! Espero que tenha gostado. Volte sempre e indique para seus amigos! :)

Encontre no Gastromundo

Digite seu endereço de email e fique por dentro das novidades!