Dia do Apicultor

Dia 22 de maio é o dia do apicultor, ou criador de abelhas, e eu vim aqui indicar um ótimo documentário! (Disponível gratuitamente no youtube).



"Queen of the Sun", ou traduzindo para "Rainha do Sol" é um documentário muito emocionante, com imagens lindas, músicas fantásticas e uma mensagem real para todos nós. que resumidamente é:
Se as abelhas morrerem, outros insetos também morrem. Se os insetos morrerem, as flores morrem, e consequentemente os pássaros morrem. E logo toda a comida polinizada também acabará. E as abelhas estão morrendo.

O mel, até pouco tempo atrás (considerando a idade do mundo) era apenas dado de presente, e não comercializado. Quando a comercialização começou, também começaram as industrializações dos processos da fabricação do mel.

E essa indústria do mel trata as abelhas como se elas fossem máquinas, e não seres da natureza. Deixam as abelhas presas e as transportam para lugares que precisam da polinização (monoculturas); para acordá-las e fortificá-las para o trabalho que terão à frente, as alimentam com xarope de milho de alta frutose, e em alguns lugares da Europa e da América as pessoas estão usando oxitetraciclina ou tetramicina (antibióticos) nesse xarope, e então as abelhas consomem esse açúcar, e consequentemente, esses ingredientes se transferem para o mel, e quando consumimos essas substâncias, nosso corpo passa a ser resistente a esses antibióticos.

Para muitas polinizações, as abelhas têm que ser importadas, e isso faz duas coisas principalmente: isso importa também doenças que as abelhas locais não tinham, e estressa toda a colônia.
O estresse mata as abelhas. A espera pelo transporte mata milhões de abelhas. E a monocultura e falta de diversidade nas plantações mata as abelhas.

A monocultura é um dos maiores problemas atuais, não é natural e não é bom para a polinização e alimentação das abelhas. Com a monocultura você tira todos os adubos naturais da terra e os substitui por fertilizantes inorgânicos, e ao invés de deixar um ecossistema natural se prevenir contra as pragas, são usados pesticidas.

Então como eu, você e seus amigos podem ajudar as abelhas a morrerem menos?

O próprio documentário dá 6 dicas úteis para você ajudar as abelhas:
  1. Plante flores e ervas diversas no seu jardim que servem de alimentos para as abelhas.
  2. Elimine pesticidas do seu jardim.
  3. As abelhas sentem sede! Deixe uma bacia bem rasa com água limpa no seu jardim quando possível.
  4. Compre mel cru direto do produtor local que não use químicos.
  5. Sempre que possível compre alimentos orgânicos e sem pesticidas.
  6. Se torne um criador de abelhas também e aprenda práticas sustentáveis para ajudá-las.
E por último, sempre se informe! Assista ao documentário com os amigos e converse sobre o assunto, principalmente com as crianças. Não tenha medo das abelhas, e se tiver uma colmeia perto da sua casa, não a destrua, e não chame pessoas que vão destruí-las! Ligue para alguma pessoa que tenha conhecimento sobre como tratar abelhas e retirá-las com segurança da sua área.

Conheça mais sobre as abelhas nativas do Brasil (também conhecidas como abelhas sem ferrão)! Não temos somente a abelha "tradicional" de listras amarelas e pretas, temos várias outras que também produzem mel.



Entre no site SOS Abelhas sem Ferrão para conhecer mais sobre o assunto!

E aí, gostou das informações? Compartilhe esse conhecimento com seus amigos e familiares, e já aproveita e faz a sugestão do próximo dia de filme! Até a próxima! ;)

0 comentários. Comente também!:

Postar um comentário

Redes sociais




Agradeço pela visita! Espero que tenha gostado. Volte sempre e indique para seus amigos! :)

Encontre aqui

Assine

Digite seu endereço de email e fique por dentro das novidades!